Tudo Sobre os Parques da Disney » 10 Dicas para não passar perrengue na Disney
perrengue na Disney

10 Dicas para não passar perrengue na Disney

por Andreza Dica & Indica

Post de hoje é um daqueles de utilidade pública e serve para qualquer tipo de viajante que está a caminho de Orlando: dicas para não passar perrengue em Orlando durante suas férias.

Cair em roubadas durante a viagem é mais comum do que se imagina e mesmo os mais descolados podem passar por perrengues que poderiam ser evitados caso a pessoa tivesse tomado certos cuidados.

E as dicas abaixo são justamente para evitar que você caia em diversos tipos de perrengue.

Como evitar perrengues em Orlando

Se proteja de furtos em lojas e shoppings

 

É muito comum ouvir relatos de brasileiros roubados dentro de lojas ou em estacionamentos de shoppings. Esses relatos diminuíram muito, até porque os brasileiros não estão comprando muito devido à alta do dólar, mas é sempre fica atento.

Os golpes mais comuns são furtos de objetos e sacolas de compras de dentro de veículos ou furto de carteiras ou bolsas dentro de lojas e shoppings.

Para se proteger dos roubos nos carros sempre sugiro não levar sacolas para os carros e voltar para fazer compras e não deixar objetos e sacolas à mostra. Algumas sugestões para se prevenir: 1- deixar o carro no valet (o que tem um custo) 2- levar sacolas para o carro, tirar o carro da vaga e trocar de lugar (continua tendo risco e é bem descômodo) 3- levar uma mala para o shopping ou outlet e só voltar ao carro quando finalizar as compras (por enquanto a melhor opção).

Já para se prevenir de furtos de bolsas e carteiras, o ideal é estar com a bolsa o tempo inteiro grudada ao corpo, evitar colocar mochila nas costas e de forma alguma deixar bolsas e sacolas em carrinhos, por exemplo. As bolsas devem estar o tempo todo sob vigilância.

Nós já temos um post aqui chamando atenção para esses casos de brasileiros furtados em Orlando e dando várias dicas também.

Respeite as leis de trânsito locais

 

Parece meio óbvio falar em respeitar as leis de trânsito, mas como algumas leis no Brasil são parcialmente “flexíveis”, às vezes os brasileiros tem uma tendência a não respeitar ao pé da letra algumas dessas leis e nisso pode acabar num perrengue grande, porque lá eles são muito rígidos com isso.

Nós temos um post super completo sobre como dirigir em Orlando dando todas as dicas para dirigir com segurança e facilidade, mas as principais recomendações que eu daria são: não beber antes de dirigir, respeitar a velocidade e as placas, usar cinto (até no banco traseiro) e parar sempre para o pedestre atravessar.

Dirigir lá é bem mais fácil que no Brasil, então não precisa ter medo. É só andar na linha (e na faixa) que nada vai acontecer.

perrengue na Disney

Dirigir em Orlando é super fácil, é só respeitar as leis de trânsito

Não deixe tudo para a última hora

 

O perrengue pode começar muito antes da viagem começar, mas esse também pode ser evitado. Meu conselho é: comece a organizar a viagem bem antes e não deixe suas reservas para última hora.

Vejo muita gente deixando para fazer algumas reservas muito em cima da hora e isso não é bom por algumas razões: você pode perder boas promoções, pode não encontrar disponibilidade dos itens que deseja, como hotel e ingressos com datas marcadas e outros itens que podem se esgotar e com essa volatilidade do dólar, pode acabar pegando um dólar muito alto se esperar demais.Tenho um post onde eu dou uma ideia sobre quando fazer reservas de cada item da viagem e é sempre bom se antecipar.

Pode parecer uma bobagem, mas atendo diariamente clientes que perderam a promoção de alimentação gratuita, que não estão encontrando vaga no hotel que gostariam, que não encontram mais o jogo de basquete no setor que pretendiam…

Isso sem falar nos Fastpass+… Clientes que poderiam ter começado a agendar seus Fastpass+ há dias (ou até) semanas e agora terão que enfrentar a fila nas principais atrações porque deixaram para a última hora e não conseguiram fazer agendamentos de atrações importantes.

Então o ideal é você já ir começando a fechar os itens da sua viagem assim que decidir que vai viajar.

Não viaje sem seguro viagem

 

Esse é um dos itens que pode te trazer mais perrengue e um daqueles que as pessoas mais desprezam. De forma alguma viaje sem seguro viagem. Se você tiver qualquer contratempo você estará completamente desprotegido e desamparado.

Tenho um post aqui no blog sobre a importância sobre o seguro viagem e realmente não recomendo viajar sem seguro de jeito nenhum. Os tratamentos médicos nos Estados Unidos são muito caros e qualquer emergência você pode deixar milhares de dólares por lá.

Parece um dinheiro “jogado fora” e às vezes acaba sendo, porque você passa dias por lá e não tem nem unha encravada. Mas imagina se tivesse um problema sério de repente… Então não deixe de se proteger.

Eu tenho parceria com a Mondial Assistance e você pode cotar aqui e comparar. Se fechar por aqui eu recebo uma comissão. Eu nunca precisei usar, graças a Deus, mas tenho ótimas referências deles.

Evite a altíssima temporada

 

Eu sei que tem gente que só pode viajar na alta temporada, mas sempre que puder, fuja dela. Semana entre Natal e Ano Novo e semana de Páscoa são exemplos de épocas de muito movimento.

E por que essas épocas podem gerar perrengue? Porque as filas são grandes, e não só para as atrações; é fila no banheiro, fila nos restaurantes, fila na revista de bolsa na entrada dos parques… Tudo muito lotado!

E com todo lugar muito muvucado, a chance de perrengue é de 99%. No mínimo você vai ficar estressado. Tive o caso de uma leitora que disse que detestou a Disney e Orlando. Adivinha em que época ela foi… Semana entre Natal e Ano Novo. Então se você puder, evite.

Se você não sabe quando ir, tenho um post que fala a melhor época para ir a Orlando e ainda fala sobre a lotação e eventos mês-a-mês na cidade. E tem um outro com um calendário que mostra as semanas mais cheias e as mais vazias do ano. É uma forma de te ajudar a escolher uma boa época.

perrengue na Disney

Saída no Epcot na semana do Natal

Evite hotéis muitos baratos

 

Muito comum também é perrengue com hotel. Hotéis reservados pela internet, com preços imbatíveis… Ao chegar lá o hotel é mal localizado, sujo e até inseguro.

Sim… Inseguro! Existem muitos relatos de pessoas que tiveram itens furtados dentro do hotel ou até quartos arrombados e totalmente revirados. Sem contar também os tais “bed bugs”, insetos comuns em quartos de hotéis, principalmente naqueles que tem menos cuidado com higiene e manutenção.

Então tenha cuidado ao reservar um hotel. Leia a reputação dele em sites como o Trip Advisor. Veja a avaliação de outros hóspedes e confirme se o que o hotel oferece atende as suas necessidades.

Se procura um hotel barato, eu fiz uma pesquisa e relacionei 10 hotéis com preços baixos, mas como boa reputação e isso pode te ajudar. Nesses não encontrei relatos desses problemas que mencionei.

 

Fuja de ingressos muitos baratos

 

O mesmo se aplica a ingressos. Evite comprar ingressos em lugares onde os descontos são de 20, 30, 40%. Não existe milagre e ingresso muuuuito barato pode ser falsificado ou já usado.

Nós vendemos ingresso aqui no blog e você pode comparar os preços. É claro que você vai encontrar ingresso mais em conta por aí, mas sempre vem agregada uma desvantagem, como ter que ir retirar ou sem parcelamento, por exemplo, mas ingressos absurdamente mais baratos não é possível e é perrengue na certa. Respondi num post as principais perguntas sobre compra de ingresso.

Diferença entre os preços de diversos fornecedores sempre vai ter, pois depende do que cada um oferece, mas se a diferença for enorme desconfie.

 

Atenção com as compras

 

Esse é um item para se ter bastante atenção também. Evite comprar eletrônicos em lojas com pouco nome. Prefira lojas conhecidas e de redes, que ofereçam suporte e garantia. Pequenas lojas de rua podem oferecer produtos falsificados ou com defeito.

Tudo bem que com época de dólar alto, as compras estão em menor quantidade, mas cuidado com o tamanho, peso e quantidade dos itens que comprar. Normalmente as companhias aéreas só permitem 2 malas de 32Kg cada. Se tiver mais do que duas malas ou pelo menos uma delas estiver pesando mais que o máximo permitido, a companhia aérea vai exigir que você abra as malas para tirar o excesso de peso ou que você pague a multa. Tem um post com dicas para arrumar mala aqui no blog. Se você seguir direitinho, não vai ter erro.

Outra coisa que você precisa ter cuidado é com o valor das compras: oficialmente o limite é de US$500,00. Estão isentos e ficam fora dessa cota os “artigos de uso pessoal”, uma câmera fotográfica, um celular e um relógio. Em artigos de uso pessoal entende-se roupas e qualquer tipo de item que seja coerente com a duração, local e propósito da viagem. Tenho dois posts sobre alfândega, um aqui e outro aqui, que podem esclarecer todas as dúvidas e evitar perrengue com a receita federal ao chegar ao Brasil.

Estude os parques e suas atrações

 

Muita gente, por falta de tempo ou de paciência, mesmo, acaba indo para Orlando sem estudar os parques e atrações com calma. Entender o que é adequado para cada membro da família é fundamental para que você garanta que vai visitar as melhores atrações e evitar atrações “bobas” ou até mesmo as radicais que você ou alguém do grupo, principalmente as crianças, podem não gostar.

Aqui no blog tem muita informação de cada parque, mas eu imagino que muita gente tenha dificuldade de localizar tudo e consolidar, muitas vezes por nunca ter ido e ficar perdido com tanto conteúdo.

Uma sugestão que eu posso dar é o Guia de Orlando que eu mesma escrevi e vendo aqui no blog. Além de detalhar todos os parques de Orlando, ainda traz várias dicas práticas para a viagem. Ele traz as informações consolidadas e organizadas por capítulos, então é fácil de ler.

De qualquer maneira, não chegue aos parques sem estar preparado. Se você tiver estudado os parques, aproveitará muito mais e vai evitar perrengue sem dúvida.

 

Não tente fazer tudo numa única viagem

 

E o último conselho, mas não menos importante, é para não tentar fazer tudo numa única viagem. Não adianta querer que Orlando inteira caiba em 10, 12 dias de viagem. Priorize e não tente fazer tudo.

Tem gente que tenta fazer 8 parques em 4 dias… Não dá! Você vai acabar fazendo só um pouco de cada coisa e vai acabar não vendo nada direito. Fora o perrengue do deslocamento de lá para cá e a super perda de tempo.

Não tem nenhum problema você tentar otimizar e fazer o máximo possível, mas eu disse possível… Não tente fazer o impossível!

Faça o principal e deixe o resto para uma viagem futura. Ao longo do tempo você vai perceber que mesmo depois de tantas e tantas visitas, ainda ficará faltando muita coisa para conhecer.

 

E você? Teve algum perrengue em Orlando? Conte para nós como foi, como resolveram e se poderia ter sido evitado.

Matérias Relacionadas

13 Comentários

Mariana 19/03/2016 - 13:25

Post muito útil como sempre! Esses são perrengues evitáveis que podem transformar sua viagem num pesadelo. Especialmente não deixem de fazer seguro de viagem. Na minha ultima ida a orlando em jan sofri um acidente e o seguro da mondial foi a salvação da viagem e dos meus dólares.

Resposta
Andreza Dica e Indica 20/04/2016 - 16:01

Oi,
Mariana
Com certeza é muito importante viajar com um seguro viagem, porque as vezes um problema relativamente simples que você venha a ter, mas no caso você não tenha um (seguro viagem) pode se tornar o fim das férias.
Abraços e Obrigada

Resposta
Crisleine Brito 19/03/2016 - 14:21

Andreza as dicas são importantíssimas! De fato não consegui fazer todos os parques dias de compras em 15 dias de viagem, por isso fiz o estudo e priorizei aquilo que mais me interessava, assim fica a oportunidade de voltar e conhecer o resto 🙂 Fui em 2015 e ficava muito atenta nas minhas sacolas e mochila todo o tempo, mas não me isentou de ter minha carteira furtada no Florida Mall (o prejuízo não foi tão grande, mas gerou transtornos) :/ Por isso, muita atenção! O passaporte e dinheiro andava comigo o tempo todo no porta dólar (embaixo da roupa), pois fiquei com medo da onda de furtos em hotéis. Deu tudo certo! Agora é fazer o planejamento da próxima viagem!! Abraços!

Resposta
Andreza Dica e Indica 20/04/2016 - 16:13

Oi,
Crisleine
Ainda bem que não levou todo o dinheiro e principalmente os passaportes, porque nesse caso a dor de cabeça seria bem maior.
Fica a dica, realmente temos que prestar bastante atenção, principalmente em lugares de compra, porque com certeza é nesses lugares que os criminosos ficam esperando por uma vítima desatenta.
Abraços e Obrigada

Resposta
Sandra 19/03/2016 - 21:12

Oi Andreza, fomos a Orlando no período de natal e ano novo, mas com o seu guia em mãos, não passamos perrengue. Parabéns pelo seu trabalho e dicas. E eu recomendo, comprem o guia da Andreza, é muito bom!

Resposta
Andreza Dica e Indica 20/04/2016 - 14:17

Oi,
Sandra
Fico contente que o guia ajudou vocês na viagem. A ideia era essa mesmo, trazer o maior número de informações e detalhes, para tornar a viagem mais fácil.
Abraços e Obrigada

Resposta
Monique Fernandes 20/03/2016 - 06:52

O pior perrengue que tivemos em nossa viagem para Orlando foi no primeiro parque que fomos, Magic Kingdom! Chegamos numa quinta feira em Miami, já no aeroporto alugamos um carro e fomos direto para Orlando, como tínhamos alugado uma casa, maravilhosa por sinal, antes de ir para ela já passamos no Walmart e fizemos umas compras de comida! Tudo ótimo até aí! Na manhã de sexta começou uma chuva torrencial, não se via um palmo na frente do nariz, que permaneceu a sexta e o sábado inteiro! Domingo amanheceu um sol maravilhoso, nem parecia que tínhamos passado dois dias de um quase dilúvio! Fomos correndo para o principal parque que queríamos conhecer, o mais esperado e desejado, Magic Kingdom! Acho que os EUA inteiro teve a mesma ideia que nos! Não conseguimos fazer nada no parque, nada mesmo!! As filas eram de 1h e 30 min no mínimo!!! Pra tudo! Brinquedos, lanchonetes, banheiros! Todo lugar que olhávamos tinham milhares de pessoas! Não conseguimos nem ver a Sininho descendo na tirolesa no espetáculo de encerramento! Pra resumir, conseguimos andar em 1 brinquedo, passamos o resto do dia desistindo das filas! Pense na maior frustração!! Mais sérvio de lição! Parque da Disney só durante a semana! Mais com certeza voltaremos lá, agora mais espertos e preparados!
Bjusssss
Adoro os posts de vcs!!! Super úteis!
Pena que não os conheci antes da nossa primeira viagem para Orlando!!

Resposta
Andreza Dica & Indica 20/04/2016 - 09:36

Oi,
Monique
É assim mesmo, depois vamos ficando mais experientes….:)
Abraços e Obrigada

Resposta
Ana Paula 26/03/2016 - 17:35

Gostaria que vc fizesse um orçamento de um pacote para minha família. Somos 3 adultos e 2crianças. A melhor época na verdade tudo. Obrigada.

Resposta
Andreza Dica & Indica 19/04/2016 - 14:29

Oi,
Ana Paula
Para cotação você pode me enviar um e-mail no endereço abaixo:
[email protected]
Fico a disposição
Abraços e Obrigada

Resposta
Blogueira Shame 02/04/2016 - 19:29

Olá, tudo bom?

Admirei muito este blog.

Por mais sites idem a este!

Resposta
FABIANA 26/04/2017 - 17:11

Estamos programando para ir ao Magic kindom num dia de segunda. (21/08/17), soube que o dia de segunda é bem concorrido, chega até ser mais do que o sábado. Isso procede?

Resposta
Andreza Dica & Indica 03/05/2017 - 11:13

Oi,
Fabiana
Isso não é uma regra, tem que olhar no calendário de lotação do mês de agosto, que eu costumo divulgar com 60 dias de antecedência.
Abraços e Obrigada

Resposta

Deixe um comentário

 Parques Temáticos

Magic Kingdom Epcot Animal Kingdom Hollywood Studios Universal Studios Islands of Adventure Busch Gardens Legoland Sea World

Parques Aquáticos

Blizzard Beach Typhoon Lagoon Aquatica Discovery Cove

Outras Disneys

Disneyland California Tokyo Disneyland Disneyland Paris Disney Cruise Line